Jogadores que conseguiam ser baladeiros e mesmo assim jogar muito

A balada sempre foi uma das grandes inimigas do bom futebol, e isso é algo que muitos treinadores sempre deixaram bem claro. Afinal, é muito difícil ter um bom desempenho em treinos quando se chega virado ou mesmo alcoolizado, e se alguém não vai bem no treino dificilmente vai conseguir ir bem no jogo também.

Porém existem casos de jogadores que eram tão bons em campo que mesmo seu tempo na vida noturna conseguia impedir de brilhar em campo, E hoje vamos falar desses espécimes raros, jogadores que conseguiam ser baladeiros e mesmo assim jogar muito.

Romário

O baixinho sem dúvida alguma foi um dos maiores atacantes que o futebol brasileiro e também que o futebol mundial já teve. No entanto, o herói do penta tem um talento a mais do que apenas balançar as redes: ele consegue fazer todos os gols que faz mesmo tendo virado a noite na balada antes da partida. Romário sempre deixou claro que é um fã da vida noturna, e nunca abdicou de sua cervejinha e de seu futevôlei, e mesmo assim foi o craque que foi e teve uma carreira muito longa.

Ronaldo Fenômeno

Ronaldo teve muito mais problemas com seus joelhos do que teve com bebida durante toda sua carreira, e olha que a bebida sempre esteve presente. É bem verdade que o Fenômeno jogou por muito tempo em uma geração bem menos cuidadosa com a questão da saúde.

Porém mesmo assim o jogador foi quem foi, com os gols pelos clubes e pela seleção de forma mágica, encantando o mundo no processo. É claro que diferente do já citado Romário a carreira de Ronaldo não foi assim tão longa, com a bebida e vida noturna cobrando diretamente de seu peso, mas ainda assim, mesmo acima do peso era um grande jogador.

Ronaldinho

Não tinha como ser diferente, ele tinha que estar aqui. E estar aqui não é nada comparado aos roles aleatórios que ele fez depois de aposentado, no entanto, o Bruxo não aparecia aleatoriamente nas festanças na vida só depois de parar.

O jogador nunca esqueceu que sempre gostou de aproveitar a vida, e muitos dizem até que esse é omotivo da sua queda de rendimento depois de ser eleito o melhor do mundo. Mas seja como for, o jogador brilhou por anos a fio dividindo a responsabilidade por ser o rei dos dribles, tanto em campo quanto fora dele.

Maradona

Não existe nenhum jogador no planeta que tenha conseguido juntar tanto a vida noturna e futebol do que Diego Armando Maradona, o jogador sempre foi uma referência em festa, e claro, também sempre foi uma referência para o futebol mundial.

Claro que talvez e o abuso de bebidas e outras substâncias tenham encurtado um pouco sua carreira, mas inegável que enquanto seu corpo aguentou, Maradona conseguiu festejar a noite toda, e no dia seguinte resolver uma final de campeonato como se nada tivesse acontecendo, e como se ele tivesse tido uma noite tranquila de sono.

Deixe um comentário